O aumento de DSTs entre jovens brasileiros

Envie sua redação para correção
    Sabe-se que as Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) afetam grande parte da sociedade, não só no Brasil, como também no mundo. Entretanto, devido o esquecimento da existência das DSTs, o número de jovens brasileiros infectados se elevou de maneira alarmante. Desse modo, é imprescindível promover medidas que visem conscientizar a população jovem do país a respeito dos riscos das DSTs já que serão o futuro do país.
          Cabe pontuar que a alta na disseminação de doenças sexualmente transmissíveis tem sido causada, na maior parte, por relações sexuais sem proteção e pelo desconhecimento sobre DSTs. Porque com o tratamento dessas doenças o número de casos graves divulgados reduziu. O que leva à ausência do medo entre os jovens, pois passam a acreditar na suposta cura, após o desaparecimento de sintomas, de doenças incuráveis, como a AIDS, e na erradicação dessas doenças. Como resultado, tem-se o alto índice de jovens contaminados por doenças incuráveis ou causadoras sequelas irreparáveis para o portador, como a infertilidade.
          Outro fator que intensifica a disseminação das DSTs é a não realização de exames periódicos, pelos jovens, para verificar se são portadores ou não de alguma doença sexualmente transmissível. Exames esses que são de extrema relevância, tendo em vista que uma parte dessas doenças é assintomática em algumas pessoas, por exemplo, no sexo masculino, e que os jovens contemporâneos possuem um grande número de parceiros sexuais. Em consequência disso, tem-se o fortalecimento dos microrganismos causadores das DSTs, dificultando o tratamento dessas doenças, e o crescimento dos gastos governamentais com saúde.
          Portanto, é fulcral garantir o conhecimento para os jovens brasileiros sobre as DSTs e como evitá-las. Desse modo, cabe às escolas alertar, por palestras, a cerca da continuidade da disseminação das DSTs e sobre as suas consequências. Também se faz necessário, pelo Ministério da Saúde, a promoção da importância dos exames periódicos pelos jovens, além de distribuir preservativos. Sendo assim essa situação será amenizada.