Envie sua redação para correção
    Segundo a história de descobrimento do Brasil juntamente com os europeus veio também inúmeras doenças,que com o passar dos anos foram se desenvolvendo.Neste contexto acarretou nos dias atuais o aumento dessas doenças surgindo também novos tipos,inclusive as DST (doenças sexualmente transmissíveis)principalmente entre jovens ,que por sua vez são mais irresponsáveis tornando a situação um problema politico e social.Além disso com as inovações na medicina tem feito com que os jovens deixassem de se preocupar com a saúde.
      Sabe-se que o governo tem gastos em tratamentos de pessoas infectadas por alguma doença sexualmente transmissível,o que torna um problema politico o aumento da contaminação,fazendo com que o governo tenha que desembolsar cada dia mais e investir em tratamento para esses pacientes,com isso deixando de utilizar o dinheiro para outros tipos de doenças e de uma outra forma na saúde,como o tratamento de pessoas com câncer que vem aumentando seus índices de mortalidade no país. Além disso um problema social pois a conscientização,o diálogo com os familiares,conversas nas escolas ainda é um tabu entre a população brasileira na qual ainda acreditasse que falar sobre sexo é um incentivo na qual seria uma da mais importante forma de evitar esse problema.
      Vale ressaltar que os avanços e inovações na medicina vem mostrando ótimos resultados aumentando a qualidade de vida,e trazendo até mesmo a cura,assim os jovens tem deixado de se prevenir e preocupar com a contaminação não fazendo sua parte e se acomodando diante do assunto obtendo índices elevados com o passar dos anos.
      Diante do exposto,faz-se necessário que a sociedade e o governo além de palestras de conscientização,leve também informação sobre os malefícios das doenças e uso do preservativo desde a adolescência até a vida adulta de cada pessoa, quebrando o tabu de dialogar sobre sexo,importante também ser mais acessível a distribuição de preservativo contudo conduzir virtudes e responsabilidade para os jovens brasileiros.