Envie sua redação para correção
    Fantasias, samba e diversão. Essas são algumas palavras que descrevem a época do ano mais esperada pela maioria dos brasileiros: o carnaval. Olhando sob uma perspectiva geral, o carnaval se resume a festa, porém tem todo um  significado por trás, que inclui a diversidade cultural e a manifestação política, sendo assim, importante para a nacionalidade brasileira.
        Segundo à sociologia, a cultura é aquilo que define um povo, uma nação, porém, o Brasil não foi ou é formado por apenas uma manifestação cultural, mas sim por várias. Isso é bem retratado no carnaval, à exemplo da cultura africana representada no samba, ritmo predominante nas festas carnavalescas, além de indígenas também estarem presentes nos temas principais dos carros alegóricos, que passeiam pelas ruas durante o feriado. Nota-se portanto, que o carnaval, nesse quesito, é muito importante para o país, visto que é um momento em que a cultura miscigenada do Brasil é mostrada de forma ampla.
           Sob um outro olhar, o carnaval pode também ser visto como uma manifestação política, uma vez que as músicas e os temas dos desfiles retratam a vida sofrida de muitos brasileiros, fazendo do carnaval, um canal de críticas e de reivindicações de direitos. A demonstração da situação do trabalhador brasileiro atual comparada a escravidão no Brasil colonial é um exemplo de manifestação crítica feita em 2018 nos desfiles das escolas de samba.
             Sendo assim, o carnaval é, de fato, uma maneira que o brasileiro encontrou para se manifestar culturalmente e politicamente e que deve permanecer com esse caráter e não ser vista cada vez mais como uma época promíscua, característica que infelizmente faz parte do carnaval.