O carnaval como símbolo da nacionalidade brasileira no século XXI

Envie sua redação para correção
    Definida em ciências sociais, a cultura, é um conjunto de ideias e comportamentos, símbolos e práticas, aprendidos de geração em geração. Atrelado a nacionalidade, a cultura brasileira é marcada pela boa disposição e alegria, e isso se reflete também na música, no comportamento e até mesmo na política. Dentre tantos fatores relevantes, destacam-se o carnaval como símbolo de expressão social e a consciência da crise moral do país, por parte da sociedade. 
      Cultura popular advinda dos nomeados entrudos, no período colônia, abordavam a festa como oportunidade de divertimento; realizada por escravos, foi subitamente criminalizada. Entretanto, no século XXI, o carnaval tornou-se um espaço de extravasamento social, de manifestações, coletivas, permeadas pela expressão de criticas sócias e politicas. A esse respeito, no desfile de 2018, nas escolas do Rio de Janeiro os enredos mais abordados nos sambas foram as criticas a diversos problemas sociais e políticos, como a corrupção. A paraíso da Tuiuti encenou a ação de operários rasgando carteiras de trabalho denunciando a perda de direitos trabalhista a quem está sujeita a sociedade com admistração do atual governo.
      Essa posição reflete a desconstrução da folia apenas para fins recreativos e transmite o pensamento critico da população brasileira. A insatisfação com serviços públicos virou enredo. Segundo o jornal G1, foras das grandes avenidas nos blocos de rua, fantasias e cartazes ironizavam também políticos corruptos o que potencializa a indignação, o tom mais politizado e crítico dos foliões na busca de uma maior conexão com o mundo real. Assim , é notório que com a falta de confiança nos representantes políticos, abandono, angústia da população em todas as camadas sociais o desfiles das escolas e blocos de rua pode-se ser considerar uma grande manifestação política com invólucro artístico.
     É necessário portando, que o Ministério de Justiça investigue com afinco casos de corrupção no Parlamento, por meio de denuncias, e assim use de punições econômicas e cerceamento da liberdade aos que estão em incompatibilidade com a lei. De maneira que corrobore a favor da população, que almeja pelo bom uso dos recursos públicos, por serviços públicos de qualidade e pela preservação e ampliação de direitos .