O combate à pedofilia no Brasil

Envie sua redação para correção
    A violência sexual contara jovens e adolescentes é um problema que ainda assola o Brasil e o mundo. Muitos desses casos, se devem a mitificação de uma sociedade machista, que julgam essas pessoas como objeto, com raízes no patriarcado. Nesse viés os casos de pedofilia cresceram muito no país, principalmente no âmbito cibernético, onde a dificuldade de denúncia e punição são maiores. Tal violência, pode causar problemas físicos e psicológicos levados com a pessoa pelo resto da vida.
        De acordo com a UNICEF o número de sites com conteúdos de pedofilia cresceu 147%. Apesar da dificuldade de denúncias, já se teve um grande avanço. Comprova-se isso, com uma operação realizada pela Polícia Federal "Darknet II" de combate à pornografia infantil que cumpriu 65 mandados de busca e apreensão.
       O número de denúncias é grande, no entanto, poderia ser maior. Devido, a grande maioria desses casos de violência terem origem na própria residência, cria-se um pacto de silêncio entre as vitimas. Causando problemas psicológicos, como também físicos. Fazendo com que essas crianças vivam tristes e infelizes. Destarte, nota-se que assunto da sexualidade deve parar de ser um tabu e ser debatido desde cedo, pois muitas crianças ainda não sabem o que se caracteriza um abuso.
       É evidente, portanto, que medidas são necessárias para solucionar o impasse. Diante disso, a família e escola possuem papel fundamental, mostrando as crianças o que se caracterizam um abuso, e consequentemente as denúncias serão maiores. Além disso, a mídia como ferramenta de informação também deve trazer ainda mais esse assunto á tona, dando segurança á vítima nas denúncias. Ademais, as leis precisam ser mais severas, como, por exemplo, castração química para o agressor que cometer tal crime.