O combate à pedofilia no Brasil

Envie sua redação para correção
    Podemos dizer que, a maioria das crianças que sofrem abuso sexual são de famílias carentes a qual ainda falar sobre sexualidade e um tabu.
          O combate a violência infantil deve começar em casa, cabe aos pais orientar seus filhos, que ninguém deve mexer no seu corpo, para isso elas precisam conhecer melhor seu corpo, saber mais sobre a sexualidade ,e,   acontecendo qualquer ato de abuso, fala para seus  pais imediatamente.
         Crianças que sofre de abuso sexual perde a sua inocência e infância, levando para o futuro um caminho inserto, podendo gerar trastorno psicológico, pensamento de suicídio, dificuldade de relacionamento com pessoas do sexo do agressor, alcoolismo e distúrbio alimentares .As marcas do abuso as perseguem em cada decisão e atitude que elas tomam no futuro.
       Quando falamos para as crianças sobre sexualidade na infância, não estamos incentivando ao ato sexual, estamos mostrando para elas, que ninguém pode mexer no seu corpo sem a sua permissão, caso isso aconteça, ela saiba que se trata de um abuso e que seus pais devem ser comunicado. E, quando se trata de seus pais, a conscientização deve ser também inserida na escola, orientando aos professores a observa melhore o comportamento dos alunos, estudos revela que as crianças que sofrerem qualquer abuso na infância pode muda seu comportamento, ficam isolada em seu mundo e se afasta das pessoas de seu convívio com medo delas passarem a rejeitar, os agressores conseguem passar para as maiorias das crianças que elas são culpadas .
        Devemos amar e cuida de nossas crianças como se fosse nossos filhos, protegendo, amando e cuidado sempre de cada um, eles precisam se sentir amado e não abusado, por aqueles que tem a obrigação de protegente, cuida e educar, a conscientização deve se de todos, pois temos parcela na educação de nossos jovens, se educarmos os jovens , não iremos precisar punir os homens.