O combate à pedofilia no Brasil

Envie sua redação para correção
    É preciso ouvir. 
         No perpassar da história brasileira, a pedofilia continua sendo um desafio para a sociedade. De um lado o crescimento significativo dos casos de abuso, que preocupam cada vez mais a população.Do outro os inúmeros casos que não são denunciados, o que ocorre muitas vezes pela coação exercida pelo pedófilo contra a vítima, dificultando o combate eficaz ao problema. 
         Segundo pesquisa realizada pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas em Psiquiatria Forense e Psicologia Jurídica do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo, nos últimos cinco anos o número de casos de violência sexual contra crianças cresceu cerca de 22%. Outro dado relevante é que na maioria dos casos o agressor não é um desconhecido, normalmente tem laços de parentesco com a vítima. Padastro, pai, tio e avô lideram a lista dos mais denunciados e preocupam ainda mais as famílias, já que o perigo pode estar dentro de casa.
         Em meio a tanta repercussão sobre esse assunto na hodiernidade, ainda existem casos que não são denunciados,e muitas vezes a sociedade não está preparada para ouvir. Normalmente as denúncias são feitas por pessoas de baixa renda, as pessoas de renda maior "escondem o crime em casa" por vergonha de admitir o abuso e medo de perder status na sociedade. Situações como essa precisam mudar, para que seja possível agir contra esse problema tão grave da sociedade.
        O silêncio por parte da vítima, bem como de seus familiares é um fator que gera impunidade e ocultação do ato da pedofilia. Dessa forma, vê-se a necessidades de medidas para combater esse problema na sociedade brasileira. Isso se dará com a ação do Estado, através da maior aplicabilidade da lei, da mídia, divulgando ainda mais o número do disk denúncia e incentivando a mesma para que esses casos de pedofilia ocorram cada vez menos.