Envie sua redação para correção
    A pedofilia é considerada um transtorno de preferência sexual por menores, que assola determinados adultos. O opressor utilizada estratégias, na qual conquista a confiança e a amizade de crianças e adolescentes para atrai-las. Portanto, é necessário conhecer sobre o tema, a fim de transformar o conhecimento em ações para minimizar o número de vítimas abusadas.
       A literatura pode ter como função a exposição de fatos sociais a fim de provocar reflexões nos leitores, como ocorre no livro Lolita, escrito no século XX, do autor Vladimir Nabokov, que escreve sobre o abuso sexual sofrido pela protagonista Dolores. Isso retrata a realidade diária de muitas crianças que, se não bem tratadas, ficam com sequelas emocionais, sociais e sexuais. Portanto, é imprescindível fornecer proteção e assistências psicológica às vítimas.
      Ademais, segundo o Ministério da Saúde, pelo menos 20 crianças de zero a nove anos, mártires de violência sexual, são atendidas, diariamente no Brasil, pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Com esse retrato social, é fundamental alertar a população sobre esse alarmante índice de casos que acontece no país, que ocorrem em diversos âmbitos, podendo ser dentro do próprio ambiente familiar, como também no meio virtual através da internet. 
      Diante dos fatos mencionados, faz-se necessário medidas que visem combater a pedofilia no Brasil, o que pode ser feito através da mídia, juntamente com ONGs, atuando frente a realização de campanhas informativas para difundir sobre os canais de denúncia já existentes como o "Dique 100"; o investimento do Estado em qualificação e ampliação no atendimento às vítimas; e por fim, com a ajuda das escolas que promovam palestras com os pais e alunos para tratar sobre o abuso à menores, para que assim, todos esses juntos possam formar uma sociedade que viva o verdadeiro cumprimento das leis do Estatuto da Criança e do Adolescente.