O combate à pedofilia no Brasil

Envie sua redação para correção
    No Brasil o número de violência sexual contra crianças e adolescentes tem crescido, da mesma forma o número de denúncias também. Mas por que a quantidade de vítimas não tem diminuído? Por que a maioria dos casos de abuso é praticado por pessoas próximas  as crianças?
        A pedofilia não é um problema atual, porém está longe de ser resolvido, isso porque uma pessoa que abusa uma criança pode abusar várias outras, também há o envolvimento prematuro de crianças em redes sociais ou em sites de relacionamento, com sua imaturidade uma pode entrar em um rede social com vários objetivos: jogos online, grupos de amigos da escola, postar fotos de um final de semana de férias, entretanto, existem pessoas que se aproveitam dessa pouca experiência para tentar um abuso se passando por uma pessoa mais nova ou da mesma idade da vítima.
        Além disso, existem casos que não necessitam estar longe para acontecer, pois pessoas próximas como motorista do ônibus escolar, tio, vizinho, até mesmo os pais estão sendo autores desses crimes, os aproveitadores usam discursos como: Você precisa conhecer seu corpo, deixa eu te ensinar algumas coisas, no caso de familiares dizem: Vou fazer em você o que eu faço com a mamãe, confie em mim isso sempre acontece entre pai e filha(o) ou talvez possam oferecem dinheiro, brinquedos para as vítimas, com isso tentando ganhar confiança.
        Portanto, para a família, escola e sociedade devemos acompanhar e identificar mudanças de comportamento, ensinar as crianças a dizer não e que elas são donas do seu próprio corpo, sendo assim ninguém poderá tocar seu corpo sem o seu consentimento, desenvolver o diálogo é o primeiro passo para o combate desse problema, cabe ao adulto identificar. Para a diminuição dos casos em redes sociais, deveria haver o controle para a entrada de menores de idade, assim evitando o diálogo com aproveitadores pela internet, caso haja o consentimento e monitoramento dos pais os menores possam está acessando a internet.