O combate à pedofilia no Brasil

Envie sua redação para correção
    É notório que a questão da pedofilia no Brasil têm se mostrado um problema preocupante, principalmente devido a omissão da maioria dos casos. Dentre tantos fatores relevantes, podemos destacar o abuso sexual cometido por uma pessoa muito próxima da vítima, como um parente, e o acesso ilimitado de crianças e jovens ao uso da internet.
       Observa-se segundo pesquisas relatadas pelo site "diário de Pernambuco" que há registro de 11.560 casos de abuso sexual no Brasil em 2016, sendo 53% das ocorrências na residência da vítima. Esta se vê intimidada pelo agressor, em sua maioria membro da família, e não reporta o abuso sofrido à outros familiares por medo de repressão.
         Além disso, os pedófilos podem ser encontrados em sites, por crianças e adolescentes, e se fingirem de amigos para ganhar sua confiança, influenciando os inocentes a marcarem encontros e mandarem fotos sensuais. Isso tudo acontece devido à falta de supervisão dos responsáveis no controle de ferramentas virtuais.
       Como se vê, necessita-se de uma ação educativa, como palestras em escolas, administrada pelos municípios e direcionada a pais e alunos. Essas palestras deverão abordar sobre a importância de se estabelecer uma relação de confiança no diálogo dentro de casa. Outra ação também eficaz é a divulgação nas mídias, pelos governos responsáveis, de programas para controlar o acesso de menores à internet em sites com nível de segurança baixa. Através dessas medidas espera-se a diminuição, e quem sabe a erradicação, desse grave problema no Brasil.