O combate à pedofilia no Brasil

Envie sua redação para correção
    "Educai as crianças para que não seja necessário punir aos homens", a frase do filósofo Pitágoras, sintetiza a relevância das crianças para o futuro da nação. Todavia, no Brasil, a falta de educação concatenada a pratica de violências sexuais por uma parcela de individuos que deveriam edificar seu crescimento, corrompe a infância de parcela das crianças, desse modo, a pedofilia se tornar mais um empecilho social.
      Diversos são os fatores que contribuem para a existência da violência sexual em crianças. A erotização do corpo das mulheres, seja em musicas,propagandas e dentre outros aspectos, colabora para o aumento de casos de estupro em crianças. Logo, parcela dos indivíduos que tem contato com esses conteúdos, perdem a noção de limites e atacam as crianças, desse modo, o Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitário(CONAR), poderia aumentar sua fiscalização e barra conteúdos que vulgarização as crianças.
      Quando Zygmunt Bauman, afirma sobre a falta de empatia, alteridade e o desenvolvimento de uma "bolha ideológica" por parcelas dos individuos, corrobora para o entendimento para a banalização do sexo prático com crianças e adolescentes. Uma vez que, parcela das pessoas veem à prostituição pratica em estradas como algo comum, ilustra um dos principais motivos para que casos de violência sexual aumente.
      Além disso, grande parcela das crianças sentem dificuldades em reconhecer quando estão sofrendo algum tipo de violação sexual. Pois, as mesmas, quando vítimas de algum ato sexual, não comunicam seus pais, assim como, não fazem denuncias devido a chantagens realizados pelo o agressor. Dessa maneira, a educação sexual, é importante para minimizar os casos de agressões sexuais, pois, as crianças irão saber quando estão sofrendo alguma violação sexual concomitantemente irão fazer a denuncia de maneira precisa.
      Portanto, para que casos de violências contra as crianças sejam reduzidos, a educação é primordial. Logo, o Governo, deve implantar aulas de ética, cidadania e sexual, desde o Ensino Fundamental em escolas pública e privadas, dessa maneira, aqueles que serão o futuro da nação brasileiro além de desenvolverem mais senso critico, também, saberão de denunciar de modo correto. Assim como, é primordial, tornar qualquer ato de violência sexual em crime hediondo, imprescritível e inafiançável.