Envie sua redação para correção
    O combate à pedofilia no Brasil é um assunto delicado que em grande parte dos casos não recebe a atenção necessária pelo fato de envolver familiares ou até mesmo conhecidos da vitima. Nesses casos é de extrema importância que os pais e parentes mais próximos estejam atentos aos sinais apresentados pelas crianças e adolescentes vitimas de tal abuso. 
     É necessário que a família esteja presente em todo processo de denúncia e que não desistam até que se conclua para que casos deste tipo não voltem a ocorrer dentro do âmbito familiar ou até mesmo em outras famílias, visto que quanto mais denúncias realizadas mais será voltada a atenção das autoridades para esses casos.
    Vale ressaltar que a pedofilia nem sempre está ligada a violência doméstica pois de fato, existem casos onde a descoberta é mais longa justamente por a mãe recusar-se a acreditar que algo deste tipo pode estar acontecendo dentro da sua casa ou pior ainda que este ato esteja sendo realizado pelo seu cônjuge. O que dificulta e prejudica todo o processo, podendo até trazer mais sofrimento para a vitima. 
    É preciso estarmos atentos a todas e qualquer tipo de suspeitas, pois o quanto antes denunciarmos mais rápidas serão tomadas as medidas cabíveis a cada caso.  Lembrando sempre que o mais importante é manter a vitima em boa saúde mental e emocional, sem que tenha a necessidade de força-la a falar sobre o assunto. Um dos métodos para que crianças e adolescentes desabafem por livre e espontânea vontade é a visita a psicólogos juntamente a família para que assim seja esclarecido com pureza os fatos ocorridos.
    Precisa-se que adultos estejam sempre atentos mesmo quando não envolve um ente querido próximo, pois pedofilia é um crime grave não apenas no Brasil como também em todo mundo e um ser que pratica tal barbárie deve ser punido o quanto antes. Sendo assim deve-se almejar o quanto antes o fim do crescimento dessa estatística que afeta diretamente em grande parte dos casos crianças pobres e negras.