Envie sua redação para correção
    Desde o limiar do final do século XIX, com a abolição da escravidão e o êxodo rural , as cidades brasileiras aumentaram seu contingente populacional , contudo  não havia infraestrutura necessária para manter a sociedade formada na época . Logo, a maioria da sociedade foi marginalizada, estendendo-se até os dias atuais. Então, a pobreza no Brasil está enraizada desde o início de sua colonização.
       Segundo dados do IBGE, 25,4% da população vivem na linha de pobreza, sendo que muitos deles não contam com saneamento básico. Todavia, muitas ONGs e empresas tem tomado para si a responsabilidade de erradicar esse problema, através de campanhas e de produtos que movimentam o capital para esse fim.
           Nesse viés, a empresa Bayer, por exemplo, trabalha em cooperação com a Organização Mundial de Saúde contra epidemias, tal empresa criou ainda o "Fundo Mundial de Exploração", com a finalidade de promover pesquisas objetivando a conservação da água potável. Por conseguinte, esse feito trará benefícios a sociedade, em virtude de  que muitos marginalizados não tem contato com água potável, fazendo com que contraiam doenças.
           Em suma, portanto, a pobreza no Brasil é um grande problema, e medidas precisam ser tomadas para solução da mesma. Porventura, é necessário que o Governo Federal em conjunto com Estadual apoiados pelo órgão dos Direitos Humanos por meio de ONGs e empresas , desenvolvam projetos que proporcionem a todas as comunidades de baixa renda melhor infraestrutura, educação e saúde. Isso será feito por intermédio de arrecadações feitas pelas empresas e ONGs, e será diretamente direcionada para essas populações visando assim combater a pobreza e desigualdade no Brasil, e proporcionar vida digna a todas as pessoas.