Envie sua redação para correção
    "Obsolescência programada" é um documentário espanhol que retrata estratégias usadas por fabricantes, na qual consiste em determinar a vida útil de cada mercadoria para que este seja trocado com frequência pelo consumidor, gerando assim, mais lucros para as empresas. Com isso, as pessoas tendem a entrar em um ciclo vicioso de consumismo juntamente com descarte incorreto do lixo, principalmente de eletrodomésticos e eletrônicos.
        A princípio, o consumismo exagerado certamente contribui para uma maior produção de lixo domiciliar e também industrial, pois são nas empresas que a quantidade de resíduos são maiores, devido a alta demanda do mercado. Ademais, de acordo com os dados do Plano Nacional de resíduos sólidos (PNRS), 30% de todo o lixo produzido no Brasil, tem potencial para ser reciclado, porém, apenas 3% de fato é reaproveitado. Fica claro, que essa situação prejudica a questão ambiental e socioeconômica do País, já que a reciclagem é uma fonte de renda para milhares de famílias.
        Além disso, o descarte incorreto do lixo é um problema acumulativo, gerando aumento de toneladas de detritos ao longo dos anos, com isso, o número de aterros e lixões clandestinos crescem em níveis alarmantes, colocando em risco a saúde da população devido a contaminação do solo e do ar. Outrossim, o País ainda não possui programas suficientes quando se trata de reciclagem, uma vez que, segundo o (IBGE), 73% do lixo tem como destino os aterros e lixões. Logo, é evidente que para as prefeituras é mais cômodo o descarte nos aterros ao invés de investimentos em programas eficientes de reutilização.
        Infere-se, portanto, que é fundamental a mitigação dos desafios na questão do lixo atrelado ao consumismo exagerado no Brasil. Para que isso ocorra, o Ministério do Meio Ambiente em companhia com escolas, deve inserir uma mentalidade de consumo consciente, por meio de seminários que abordem as consequências do excesso de lixo, descarte impróprio e a falta de reaproveitamento dos diversos materiais, com o objetivo de mudanças de hábitos, não só nos estudantes como também no âmbito familiar. Além de que, é necessário que as prefeituras criem programas e invistam nos já existentes, para que a reciclagem e o consumo consciente seja rotina nos lares brasileiros.