Envie sua redação para correção
    Promulgada pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 1948,a Declaração Universal dos Direitos Humanos garante a todos os indivíduos o direito à saúde e ao bem-estar social. Conquanto a incidência de uma poluição maior nas cidades grandes comprometendo a saúde do moradores, impossibilita que essa parcela da população desfrute do direito universal na prática. Nesse contexto, não há dúvidas de que a diminuição de lixo e consumo é um desafio no Brasil; o qual ocorre, infelizmente, devido não só pela  educação, mas também pela sociedade.
       Desde o Iluminismo, é notório que a sociedade só progride quando um se mobiliza com o problema do outro. Todavia, e evidente que em relação ao consumo inadequado e o aumento na quantidade de lixo, nos últimos anos, o ideal iluminista permanece apenas na teoria, pois a falta de consciência com o meio ambiente é persistente. Seguindo  a linha de raciocínio da Autora: Roseli Bregantin Barbosa, as crianças são educadas de forma inadequada e quando cresce se torna muitas vezes consumidores Irracional de acordo com a obra o Prestígio de Roseli Bregantin Barbosa.
       Faz-se, ainda, salientar a manipulação da mídia como impulsionador do problema. De acordo com Zygmunt Baumun, sociólogo polonês, a falta de solidez nas relações sociais, politicas e econômicas é a característica da "modernidade líquida" vivida no século XXI. Diante de tal contexto, a mídia por está sempre bombardeando em maior parte as crianças e adolescentes com novos aparelhos tecnológicos, roupas da moda e brinquedos, ajudando ainda mais o consumismo excessivo, de acordo com Roseli.
      Por tudo isso, faz-se necessário que o Ministério da Educação desenvolva projetos nas instituições de ensino, nas disciplinas de biologia e sociologia, de conscientização do meio ambiente e a importância do consumo racional ,nas escolas e em qualquer lugar público, para que dessa forma criem jovens conscientes e diminua a poluição. Ademais é imprescindível que a mídia explique a população sobre a importância do consumo racional. Só então seremos uma sociedade mais consciente e menos  poluente.