Envie sua redação para correção
    Na biografia de Steve Jobs vemos que sua empresa começou na garagem da casa de sua família, junto com seu amigo Wozniak criaram o primeiro computador Apple, que hoje é um dos mais populares entre os jovens e adultos. Como Steve começou seu empreendedorismo é muito parecido com um startup que é um "grupo" de pessoas trabalhando coletivamente em uma ideia diferente que pode ou não gerar lucros. Existem várias Startups, contudo as mais comuns no Brasil são as de TI (Tecnologia da informação) e as da educação. 
          No Brasil existe uma desigualdade no aprendizado muito grande entre o aluno do ensino público, e essa diferença  de acordo com o Daniel Cara, coordenador geral da campanha nacional pelo direito à educação, está ligada à infraestrutura das escolas. De acordo com os dados do IDEB (índice de desenvolvimento da educação Básica), em 2013 apenas quatro estados bateram a meta de ensino essencial estabelecido pelo IDEB, ou seja 22 estados estão abaixo da media. É ai que entra os cursinhos pré-vestibulares para quem quer ingressar no ensino superior e não teve um ensino básico de qualidade, porém esses cursinhos não são acessíveis para todos. Por isso existem as Startups de educação no Brasil, que servem para  suprir esse deficit.
           Umas das ferramentas mais usadas entre o publico jovem é o famoso Youtube, onde como exemplo temos a Deda Aladim que começou em seu quarto dando aulas de História e hoje em dia tem seu próprio estúdio e seus próprios livros didáticos feitos juntos com colaboradores. desfrutamos também dos cursinho online disponíveis a um população mais carente como o "Me salve" e o "Stoody", duas startups fortes e pioneiras na procura de quem quer ingressar no ensino superior.
    
          Em virtude dos fatos mencionados uma melhoria para esse impasse seria que a secretaria da educação juntamente com a prefeitura da cidade construí-se mais redes de ensino, com estrutura adequada, laboratórios, bibliotecas e professores com melhor formação. Outra medida necessária seria a adoção de um currículo nacional comum a todas as redes, que indique o que cada aluno deve aprender em cada etapa da escola.