Enviada em: 10/06/2019

Uma das cartas mais conhecidas da história do Brasil é a do Pero Vaz de Caminha ao rei de Portugal, na qual possui diversos detalhes sobre as terras que futuramente seriam chamadas de brasileiras, bem como os hábitos e peculiaridades dos ameríndios. Portanto, ainda no século XVI, com a colonização do Brasil, a comunicação era de grande importância para se obter informações sobre o desconhecido. Analogamente, no século XXI, os meios de comunicação são essenciais para o desenvolvimento e segurança de um país devido à agilidade de dispersão informacional. Contudo, em razão às inovações tecnológicas, as relações interpessoais mostram-se cada vez mais frágeis e sujeitas à superficialidade.         Nesse viés, nota-se a importância dos meios de comunicação para o crescimento de um país, principalmente em detrimento do pensamento crítico de sua população. Exemplificando, o jornal online NEXO é um meio de informação desvinculado de qualquer partido político ou crença (independente), auxiliando para que os cidadãos não adquiram ideias pré-determinadas, evitando a alienação e atuando na aproximação de indivíduos de mesmos ideais. Ademais, esta transmissão de informações auxilia na segurança nacional, como o “Amber Alert” – mecanismo norte-americano, no qual envia uma mensagem para o celular de moradores, que próximos ao local de desaparecimento de uma criança, unem-se para que a mesma seja encontrada.         Logo, observa-se a necessidade do dialogismo, que, de acordo com o filosofo Habermas em sua obra “A dialética do Esclarecimento” é a única maneira para a resolução dos impasses. Entretanto, com as crescentes inovações de aplicativos e formas de se comunicar, as relações ficam cada vez mais superficiais, visto que o imediatismo das tecnologias criam relações facilmente substituíveis. Assim, a falta de “responsabilidade afetiva” – caracterizada pelo ato de não lidar com os sentimentos alheios com respeito, é uma grave adversidade ao gerar problemas como a dependência emocional e relacionamentos tóxicos, que de acordo com o filosofo Bauman em “Modernidade Líquida”, é resultado do individualismo exacerbado.         Portanto, com intuito de que os meios de comunicação cumpram o seu verdadeiro papel, é necessário que o Ministério da Saúde (MS), como órgão responsável pelo bem-estar físico e mental coletivo, disponibilize sites de apoio psicológico grátis, a fim de que as pessoas possam discutir sobre as suas relações, evitando situações de toxidade interpessoal agravada pelo uso irresponsável dos meios de comunicação, como a internet. Ademais, em conjuntura ao Ministério da Educação, o MS deve agregar conhecimento sobre as formas saudáveis de utilizar os mecanismos de comunicação e sobre a responsabilidade afetiva em palestras escolares para jovens e crianças, que são os principais usuários das novas tecnologias, de acordo com o IBGE....