O uso de agrotóxicos no Brasil e no mundo

Envie sua redação para correção
    Regresso
           Na Dinamarca, a agricultura está sendo encaminhada para cem por cento livre de pesticidas, já no Brasil ocorre o inverso, encaminha-se líder em uso de agrotóxicos. Infelizmente, o consumo descontrolado desses produtos gera resultados negativos para a saúde, meio ambiente e empregos na área rural. Logo, o beneficiamento das empresas do ramo alimentício e a falta de fiscalização corroboram o uso em larga escala.
          Desde que o homem passou a ser sedentário na pré-história, a agricultura foi a base da sua alimentação. Porém, atualmente a escala se multiplicou e para dar conta e gerar lucros exorbitantes as empresas usam em enorme quantidade agroquímicos, pois faz com que precise menos áreas de terras e menos pessoas trabalhando na manutenção da plantação, cerca de cinco por cento a menos.
          Sendo assim, por ter pouca ou nenhuma fiscalização no meio rural usa-se a vontade. Segundo o IBGE divulgou recentemente o estado do Mato Grosso é exposto seis vezes mais aos agrotóxicos que a média nacional, sendo assim, o números de pessoas intoxicadas é incontável e isso precisa ser mudado.
          Portanto, medidas são necessárias para resolver esse impasse. Como o Ministério da Agricultura junto com o Judiciário devem aumentar a fiscalização, fazendo um mapeamento das áreas em que os pesticidas são mais usados, para que assim a fiscalização seja eficácia e o uso de agrotóxicos diminua. Também, é importante que nas escolas públicas seja realizado campanhas com o Ministério da Saúde que incentivem as pessoas a criarem hortas orgânicas em casa, independente do espaço, por meio de slogans, palestras e na rádio "A Hora do Brasil" para que as pessoas tenham uma vida mais saudável.