O uso de agrotóxicos no Brasil e no mundo

Envie sua redação para correção
    O Brasil tem o título de país do futebol, porém também carrega o triste título de nação que mais utiliza agrotóxicos no mundo. Segundo o Instituto Nacional de Câncer, o brasileiro consome em média cinco litros de agrotóxicos por ano, gerando várias consequências causadas pela falta de fiscalização dos órgãos públicos e o uso de agrotóxicos proibidos e de forma indevida.
     O principal causador do problema é a não fiscalização. Por mais que o Brasil apresente legislações vigentes contra o uso de determinados agrotóxicos, não é feito nenhum tipo de restrições nas vendas nem o acompanhamento das produções. Porém, recentemente a bancada ruralista  do senado lançou u projeto afim de afrouxar ainda mais a lei, provocando o uso de agrotóxicos no Brasil que não são proibidos em vários países do mundo.
     Outro fator que deve ser levado em conta é a grande contaminação da população e do meio ambiente. Visto que o trabalhador rural que aplica na cultura grande quantidade de agrotóxicos tem se intoxicado. Segundo pesquisas da Universidade Do Ceará, uma parte dessa população que tem contato direto já apresenta alterações cromossômicas que possivelmente no futuro apresentará algum tipo de câncer.
     Afim de contornar a situação do país e perder o título de maior consumidos de pesticidas. Primeiramente o Ministério da Saúde deve com a vigilância sanitária instalar um sistema de fiscalização  e controle que atue regionalmente, principalmente perto de grandes centros de produção. Ademais, para garantir a penalização dos infligidores da lei, o Ministério da Justiça propor uma maior pena para o uso elevado de agrotóxicos e que não usem os proibidos. Outra medida é que o Ministério do Trabalho garanta aos trabalhadores que estão com maiores chances de se contaminarem, melhores condições de trabalho. Assim, o Brasil será exemplo de alimentos mais saudáveis do mundo.