Envie sua redação para correção
    Os agrotóxicos são substâncias químicas utilizadas nos meios de produção agrícola no mundo todo, contra pragas e doenças prejudiciais à lavoura. O Brasil é responsável por 20% do consumo mundial desses venenos, podendo causar sérios riscos a saúde da população consumidora e daqueles que manipulam diariamente essas substâncias. 
        Estudos feitos por universidades brasileiras, mostraram que a maioria dos alimentos chegam à mesa da população com índices de contaminação superiores aos permitidos por lei, ou até mesmo apresentando agrotóxicos proibidos. Isso tem aumentado os casos de intoxicação alimentar, principalmente entre crianças e idosos. Também têm sido relacionados aos casos de câncer e depressão das comunidades de agricultores, já que essas chegam a registrar cerca de 38% de casos de câncer a mais que o resto do Brasil e um número superior de suicídios a cada ano. 
         Isso pode ser explicado pelo uso exacerbado desses defensores agrícolas diariamente por esses trabalhadores sem a proteção adequada. Essas substâncias ao serem inaladas ou ingeridas, acumulam-se nos tecidos podendo causar essas alterações carcinogênicas e se no tecido nervoso, alterações neurocomportamentais, levando à depressão. Ao consumir diariamente esses alimentos, todos os brasileiros estão sendo expostos a esses riscos, o povo está ficando doente para a comida aparentar saúde.
        Fica evidente, portanto, a necessidade da rigorosa fiscalização do Ministério da saúde à cerca das quantidades e dos tipos de agrotóxicos utilizados pelo produtores, assim como a conscientização do uso dos equipamentos de proteção individual para os trabalhadores que manipulam esses venenos diariamente. Já a população, deve sempre higienizar muito bem os alimentos antes de consumi-los, e sempre que for possível optar pelos orgânicos.