O uso de agrotóxicos no Brasil e no mundo

Envie sua redação para correção
    “O homem é aquilo que come”, frase do médico Hipócrates, conhecido como o pai da medicina, pode ser diretamente relacionada à alimentação contemporânea brasileira no que se refere ao uso indiscriminado de agrotóxicos, em que pessoas estão morrendo por conta da ingestão de alimentos contaminados e isso se tornou um problema. Convém analisarmos as causas e possíveis soluções para essa problemática que afeta não somente o Brasil, mas o mundo inteiro. 
    É indubitável que a questão constitucional e a sua aplicação estejam entre as causas do problema. Não há leis suficientes que possam limitar o uso desses pesticidas que causam consideráveis prejuízos para a população como o aparecimentos de doenças degenerativas, náuseas, vômitos etc. Além disso, segundo o site G1, o Brasil é o maior consumidor de produtos tóxicos nocivos para a saúde e isso se deve à crescente demanda de produtos alimentícios para o abastecimento da população brasileira e para a exportação. Fatos, esses, que influenciam negativamente na qualidade dos insumos produzidos no país. 
    Outrossim, estudos da UFMG comprovam que os defensivos agrícolas, além de prejudicarem os alimentos, prejudicam também, os rios e o solo, corroborando com a contaminação da fauna e flora do país. Biologicamente falando, com o processo da bioacumulação, os humanos por serem topo de cadeia alimentar são, infelizmente, as principais vítimas desse ciclo. 
    É evidente que ainda há entraves para garantir a solidificação de políticas que visem um mundo melhor. Destarte, o poder legislativo deve criar leis, além das já existentes, que imponham um limite ao uso de agrotóxicos em todo os país, promovendo uma melhor qualidade de vida para os consumidores, garantindo que ela seja cumprida. Como dito pelo pedagogo Paulo Freire, a educação muda as pessoas e essas mudam o mundo. Logo, o Ministério da Educação e Cultura deve instituir na escolas, palestras, ministradas por psicólogos, que discutam a relação social com o alimento e de como a cultura orgânica é importantes para uma alimentação saudável, garantindo um futuro melhor para todos.