Envie sua redação para correção
    É notório que, atualmente os produtos e medicamentos utilizados pelos seres humanos passam pelo processo de produção e consequentemente são testados, para assim, serem usados. Os testes, em sua maioria, são realizados em animais devido ao fato deles possuírem certas semelhanças com os seres humanos, por exemplo em suas células. Portanto, tal prática vem causando impactos no Brasil. 
     Primeiramente, a utilização dos animais em pesquisas e testes científicos não é ilegal dentro das normas da Lei Nº11.794, decretada em 2008. Essa prática deve ser vista como um meio alternativo que ajuda os seres humanos, pois é através desse ato que os remédios podem estar nas prateleiras das farmácias, para serem usados quando necessário. 
     Entretanto, há pessoas que lutam contra esse método. Em 2008, o laboratório Instituto Royal localizado em São Paulo foi invadido por manifestantes, querendo a libertação dos animais que estavam sendo usados para pesquisas. Esse tipo de conflito acaba deixando os cientistas como as pessoas maldosas, porém, como diz Maquiavel, " Não há nada mais difícil ou perigoso do que tomar a frente na introdução de uma mudança". 
     Portanto, medidas são necessárias para combater esse impasse. Como diz Immanuel Kant, " O ser humano é aquilo que a educação faz dele", então é necessário que o Ministério da Educação e da Tecnologia se mobilizem a  realizar palestras, explicando a importância do uso dos animais para pesquisas e esclarecer dúvidas sobre o processo, para que essa prática não seja motivo de revoltas na população brasileira. Vale ressaltar que, se os testes não fossem feitos em animais, e fossem diretamente nos seres humanos, as consequências seriam irracionais.