Enviada em: 27/10/2017

No Brasil, o transporte público acontece, por meio de ônibus, trens ou metros. Porém, em muitas regiões, esse serviço sofre com problemas relacionados à urbanização. Outrossim, apesar de ser considerado uma das soluções para a melhoria do trânsito, encontra-se na maior parte do país, em mal estado de planejamento e investimentos.       Ademais, esse déficit na qualidade do transporte público brasileiro causa transtornos à população local, tais como, superlotação e a impossibilidade de locomoção. Além disso, os usuários enfrentam a falta de segurança no trânsito e em assaltos ou sequestros.           Aliado a isso se tem que, as cidades brasileiras cresceram muito rápido no período de 1930 á 1980. Elas expressam a mudança intensa pela qual a economia brasileira passou. Por conseguinte, é notável que as classes de menor poder aquisitivo se concentraram nas periferias, ou seja, distante dos locais de emprego, consumo e entretenimento, o que os tornam, os principais dependentes desse serviço.             Para resolução desse impasse, é viável que o Governo faça aplicação de boa engenharia de transporte para melhor definir rotas, frequência dos serviços e corredores de ônibus, corroborando para maior eficácia da atividade....