Proteção da Floresta Amazônica: dever do Brasil ou do mundo inteiro.

Envie sua redação para correção
    Em julho desse ano, no Brasil, houve um recorde no desmatamento, quando comparado ao mesmo período de 2018. E, isso se reflete no governo vigente, pois o apoio à agropecuária se torna um problema. Afinal, essa é a grande responsável. Por conta disso, as organizações envolvidas com a Amazônia estão procurando medidas para resolver esse impasse. Como o GreenPeace, que já encontrou atividades ilegais antes.
          Ao contrário do que muitos imaginam, há um limite de até que ponto a floresta consegue suportar e se regenerar. O qual se deve pelas características do solo, que recebe nutrientes através da serrapilheira em conjunto com a chuva. É de fundamental importância que as árvores formem essa junção de folhas, galhos e frutos, para ajudar as que foram cortadas a crescerem novamente.
          Há tempos ocorre a Biopirataria, que é quando outros países roubam tecnologias encontradas por lá. A partir disso, o país, que possui mais de 70% do território, perde a oportunidade de gerar mais lucros, com descobertas que, por exemplo, podem ajudar a indústria farmacêutica. Contudo, a maior carência é de universidades e centros de pesquisa para formar profissionais que atuem na região.
    
          Em síntese, é necessário que estruturas acadêmicas sejam construídas nas redondezas, com empresas sustentáveis, e forme pessoas capacitadas para exercer um melhor uso dos investimentos. Além de receber dinheiro com essas medidas, que poderão ser revertidos em melhorias. Como o Ministério do Meio Ambiente diminuir a Biopirataria, tendo um maior controle de fronteira, de quem entra no território e seus objetivos. Portanto, transformando-se em um ambiente mais seguro para as gerações futuras.