Enviada em: 22/08/2019

Amazônia: floresta em ruínas              Os recentes incêndios e aumento nos focos de desmatamento na Floresta Amazônica, assim como em suas consequências sobre o clima do sudeste, são um alerta a respeito da importância da preservação desse bioma para o mundo.Neste contexto é possível compreender que os recentes acontecimentos, como a suspensão do apoio financeiro da Noruega ao Fundo Amazônia, assim como a nova política do governo brasileiro antipreservação, são fatos que evidenciam a ciência da responsabilidade que o mundo possui acerca da proteção desse bioma.          Em primeira análise, pontua-se a importância que essa floresta têm sobre o clima da América Latina e a reserva de água doce mundial, visto que esse bioma funciona como uma bomba atmosférica, sugando a umidade oceânica e condensando a mesma em volumes de vapor - os chamados rios voadores- sendo esses carregados pelo vento, atingindo o Uruguai, Argentina, Paraguai e todo o sul brasileiro; além disso o rio Amazonas contêm 20% da disponibilidade mundial de água doce.Haja vista a sua importância, é fato que a suspensão do apoio financeiro norueguês ao Fundo Amazônia poe em risco a preservação dessa floresta, visto que essa ajuda monetária representa cerca de 93,8% do orçamento desse fundo, segundo o portal G1.           Outrossim, a política antipreservação que o Poder Executivo têm assumido desde o início do ano, tem sido fator determinante na transformação desse bioma em ruínas, visto que segundo o INPE o número de incêndios cresceu 82% em relação ao ano passado, assim como o desmatamento que só no mês de julho teve um aumento de 66%.Esses dados são preocupantes visto que a segunda maior fonte de emissão de gases que causam o efeito estufa são essas queimadas, segunda pesquisa da ONU.            Por conseguinte, é mister compreender que a preservação da floresta amazônica é dever do mundo inteiro.Portanto o Ministério do Meio Ambiente aliado ao Ministério da Educação devem promover a conscientização de que a floresta amazônica é um patrimônio mundial, por meio de propagandas - sobretudo virtuais- e pela inclusão dessa conscientização no Plano Nacional Educacional.Ademais as ONG's - como a Greenpeace e a ECOA- em parceria com os governos internacionais, precisam se atentar as ações governamentais brasileiras - sobretudo as que ferem ou modificam as leis ambientais- a partir do continuo investimento em grupos que visem a proteção ambiental, como o Fundo Amazônia....