Envie sua redação para correção
    A região amazônica como um todo, abriga 20% da fauna e da flora de todo o planeta e é inegável a necessidade de proteção desse bioma tão rico e tão importante tanto pro Brasil quanto pro mundo. 
     Nas últimas semanas um dos assuntos mais comentados da internet foi a queimada que ocorreu Amazônia brasileira, que teve ajuda do clima seco e quente mas o principal causador do incêndio foi o desmatamento. O Amazonas está próximo de bater um recorde de queimadas em 2019. 
     A Amazônia não pode ser chamada de pulmão do mundo, já que as grandes responsáveis pelo oxigênio produzido e emanado na atmosfera são as algas marinhas, mas a floresta é responsável por retirar o gás carbônico da atmosfera, funciona como um grande reator para o equilíbrio e estabilidade do planeta, responsável pelo equilíbrio hídrico e climático e é responsável por liberar em torno de sete trilhões de toneladas de água para a atmosfera anualmente. Sabendo da demasiada importância desse bioma pro mundo inteiro, foi criado em 2008 o Fundo Amazônia que tem como finalidade o financiamento de programas de proteção, monitoramento e combate ao desmatamento na floresta amazônica. O governo atual vem recebendo críticas por recusar investimentos noruegueses alegando "falta de moral", mesmo a Noruega sendo um dos países que mais doam para o fundo Amazônia junto com a Alemanha. 
     Pode-se concluir que é necessário que o Brasil aceite a condição crítica que a região se encontra e que o governo destine esforços para a reconstrução dessa área perdida e que seja também aumentada a fiscalização em relação a latifundiários e grandes fazendeiros. É necessário também que sejam protegidos os indígenas já que protegem a floresta desde quando o Brasil foi colonizado e o mais importante é que o povo brasileiro entenda e conheça a diversidade do bioma que se localiza no Brasil, e a necessidade de proteger essa riqueza.