Envie sua redação para correção
    No filme “ Wall-e”, Andrew Stanton retrata o futuro do mundo após ações antrópicas na biodiversidade do planeta, consequentemente foram responsáveis por esgotar os recursos naturais da Terra levando a vida humana ao colapso. Fora da ficção, é fato que a realidade apresentada por Andrew pode ser relacionada com a atual situação da floresta Amazônia a qual em consequência da falta de fiscalização e administração governamental brasileira sofre pela degradação da fauna e flora. 
          Convém ressaltar, em primeiro plano, que o problema advém de interesses econômicos, desfrutados da produtividade eficaz em tal floresta, tanto na agricultura quanto na pecuária ,logo, decorrente da falta de fiscalização e punições à empresas que realizam o desmatamento principalmente nas fronteiras brasileiras são responsáveis pela degradação da biodiversidade, através da contaminação dos lençóis e queimadas, afirmando assim os processos decorrentes do futuro retratado na obra de Stanton. Segundo Luter King, não existe nada mais perigoso no mundo do que a ignorância sincera e a estupidez sensata. Assim, a negligência representada tanto por aqueles que desmatam conscientemente quanto aqueles que permitem tais ações representam um dos males da sociedade.
          Ademais, em busca de reestruturar a floresta, foi criado o Fundo Amazônia o qual utiliza das doações de recursos financeiros de outros países a fim de aprimorar a fiscalização e garantir a biodiversidade da Amazônia a qual é responsável por influencias geoclimáticas no mundo, logo, ressaltando um dos princípios de Aristóteles cujo pensamento dizia que, tendo em conta as condições em que dispõe e na medida do possível é a natureza que faz sempre as coisas mais belas e melhores.
          Conforme informações supracitadas, mudanças são necessárias pelo governo brasileiro a fim de garantir a proteção da floresta Amazônica. Logo, o governo federal deveria investir na reconstituição da floresta através de tecnologias de biogenética utilizadas principalmente nos países ocidentais. Além de maiores investimentos na fiscalização da área a qual é vulneral a ações antrópicas ilícitas e punições severas às empresas que contribuírem a degradação da mata.