Envie sua redação para correção
    No Brasil colonial, os primeiros vestígios de violência ocorreu com o extermínio dos índios  que eram vistos como empecilhos  para a ampliação de um país capitalista e foram violentamente mortos para a desocupação das terras. Destarte, no que se refere a violência urbana no Brasil atual  observa-se que não só a precariedade educacional mas também a negligência estatal são forças que contribuem para o aumento das agressões iniciadas no Brasil colônia.
     Em primeiro plano, é válido ressaltar a fala do ex presidente da África do Sul, Nelson Mandela, que diz: " A educação é arma mais poderosa que pode ser usada para mudar o mundo". Entretanto, essa máxima não está sendo aplicada no que diz respeito a crueldade no meio urbano brasileiro, pois a falta de incentivo das escolas para com o jovem faz com quem aumente sua necessidade de buscar outros caminhos uma vez que não é valorizado no âmbito escolar, o que resulta no aumento da violência como alternativa para substituir a defasagem no ensino.    
     Por conseguinte, nota-se que em consonância com o ensino precário, a inadvertência estatual cooperam para o elevado índice de  selvageria urbana. De acordo com o Atlas da violência de 2018, nos últimos 10 anos mais de 553 mil brasileiros perderam suas vidas de forma violenta, esse alarmante índice é resultado do descaso do estado que por sua vez não capacita os policiais para atuarem no combate ao crime. Pode ser citado como exemplo, a morte de Eloá que foi sequestrada pelo ex namorado e por falta de qualificação dos policiais foi morta durante o sequestro.  
     Dessa forma, para que o índice de violência urbana seja diminuído, o Tribunal de Contas da União deve direcionar capital para os municípios implantar nas escolas de nível médio cursos com certificados para o jovem sair preparado para o mercado de trabalho, e fazer parcerias com empresas para a inserção dese jovem. Somado a isso, o governo de cada de estado deve capacitar os policiais com exercícios de simulação para que aprendam o que fazer em cada situação.