Violência urbana no Brasil

Envie sua redação para correção
    No documentário brasileiro "Notícias de uma guerra particular", mostra o conflito entre traficantes e a polícia, o que evidencia  a intensa violência urbana dentro das comunidades do Rio de Janeiro. Atualmente, os índices tem aumentado cada vez mais não só nas grandes capitais, mas em todo o Brasil, por isso, a sensação de insegurança se torna constante.
      Primeiramente, é notório que a maioria dos criminosos tenha sua origem das camadas pobres. A desigualdade social está entre os principais motivos de uma pessoa entrar para o crime, por ser a única opção de sobrevivência encontrada. Inúmeras são as dificuldades e os preconceitos que as camadas vulneráveis encontram, como a falta de itens básicos para uma vida digna, educação de qualidade e ausência familiar. Todos esses problemas desencadeia  a falta de perspectiva.
      Ademais, o sistema prisional é superlotado e precário. Ao invés de os presos saírem da prisão arrependidos e dispostos há ter uma vida honesta, pelo contrário saem com sede de vingança e mais perigosos do que entraram. Esse problema, é discutido no documentário "Sem Pena" _a cadeia é uma verdadeira escola do crime_. Pois bandidos que cometeram infrações consideradas pequenas, são colocados na mesma sela para conviverem com bandidos que cometeram infrações gravíssimas. Consequentemente, aprendem a realizar e comandar crimes maiores do que está cumprindo pena. 
      Diante dos fatos mencionados, fica evidente a ineficiência do sistema carcerário brasileiro. Portanto, as ONGs devem desenvolver projetos sociais de combate á desigualdade nas comunidades carentes, periferias e favelas, lugares mais atingidos. Proporcionando profissionalismo, lazer  e educação para os moradores. Dessa maneira, os cidadãos não procuraram o mundo do crime para solucionarem seus impasses e certamente não haverá  notícias de uma guerra particular.