Violência urbana no Brasil

Envie sua redação para correção
    Violência urbana é um tema diariamente abordado em noticiários ou em sites de notícias na internet. O Brasil passa atualmente por uma grande crise na segurança, o que contribui diretamente na causa do medo e da insegurança diária dos cidadãos brasileiros.
                Temos um cenário de vulnerabilidade instalado no país, causado essencialmente pela má distribuição de renda feita pelo Estado, que reparte a renda do país de forma desigual entre seus cidadãos, concentrando o dinheiro nas mãos de uns, e deixando outros em uma situação crítica, o que leva muitos à se submeterem, por exemplo, ao trabalho ilegal, ao tráfico de entorpecentes ou ao crime.
                Aliado à má distribuição dessa renda, o Estado não investe nas áreas necessárias para acabar com a violência, dentre elas, a Educação, cuja parte da população não tem acesso. Além desta área, o Estado pouco investe na criação de empregos e de moradias em áreas que são o foco da violência no país.
                O Brasil apresenta a polícia que mais mata e mais morre, segundo o 10º Anuário Brasileiro de Segurança Pública. Na última década, 553 mil brasileiros foram vítimas fatais desta violência, dado do Atlas da Violência de 2018, produzido pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP) e pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA).
                Para mudar esses índices, é necessário que o Estado invista em um melhor treinamento da polícia militar, além de priorizar a educação da população, investindo em infraestrutura, material didático de boa qualidade e bons métodos de ensino. A criação de projetos pedagógicos, feita por escolas em parceria com o Governo, pode ser benéfica, atraindo jovens para a escola. Outro ponto interessante é a reeducação de presidiários, que ao término de sua pena, podem passar a contribuir de forma positiva para a sociedade.