Violência urbana no Brasil

Envie sua redação para correção
    De acordo com a declaração dos direitos humanos, divulgado em 1948 pela ONU (Organização das Nações Unidas) é direito de todos os cidadãos, sem qualquer distinção, o direito à segurança. Porém, o atual cenário Brasileiro, impede que isso aconteça com eficiência, pois, segundo o Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), acontece mais de 60 mil mortes por ano, devido a assassinatos. Essa problemática, deve-se a alta desigualdade social e racial, pobreza, situação precária de comunidades carentes e corrupção.
         Convém ressaltar, que a pobreza, desigualdade social e racial, são apontados como fatores predominantes para a estimulação da criminalidade e consequentemente, a violência, já que o Governo falha nos fatores preventivos da pobreza, como; educação, moradia e emprego. Segundo dados do FBSP 72% de óbitos registrados, são de cidadãos negros ou pardos, isso é um retrato evidente da desigualdade racial.
            Igualmente, destaca-se, a situação precária de comunidades carentes, pois, muitos jovens são aliciados por traficantes de drogas, devido à falta de oportunidade e veem o crime como única opção de vida. O Governo também falha com a Polícia Civil e Militar, já que esses profissionais são mal remunerados. A falta de fiscalização eficiente contribui para que haja corrupção e truculência na área policial. 
            Diante do Exposto, medidas são indispensáveis para a solução da problemática. Com isso, é primordial que o Governo, em parceira com o MEC, financie objetos educacionais nas escolas, através de uma ampla divulgação midiática, como propaganda de televisão, programas com debate entre professores e alunos, entrevistas em jornais, blogs e revistas.