Envie sua redação para correção
    Na música "Geração Coca-Cola", da banda Legião Urbana é feita uma crítica ao padrão alimentar brasileiro: "desde pequenos nós comemos lixo". Nesse contexto, o consumo de "lixos", como os ultraprocessados, geram diversos impactos na realidade do país. Dessa forma, causas para a problemática estão no conturbado cotidiano e os impactos são negativos e podem ser fatais. 
          Em uma primeira análise, é importante destacar que o dia a dia dos brasileiros e as propagandas são os geradores do padrão de alimentação. Nesse seguimento, os alimentos ultraprocessados são de fácil e rápida aquisição, fato que, se tornam mais atrativos, devido ao cotidiano acelerado. Além disso, propagandas coercitivas, desde muito tempo, possuem papel imprescindível para o sucesso desses produtos. Por exemplo uma das mais famosas, em 1992: "Compre Batom", logo, esse conjunto de proveniências causam inferências negativas. 
          Nessa mesma perspectiva, impactos como a obesidade e diversas doenças, é extremamente preocupante, quando ligadas aos ultraprocessados. De acordo com as divulgações do Ministério da Saúde no ano de 2018, quase 20% da população é obesa. Diante disso, é perceptível que a alimentação é um dos principais influenciadores desse dado. Desse modo, doenças como diabetes e hipertensão se tornam comuns devido ao sobrepeso, necessitando de intervenções.
        Fica claro, portanto, que alimentos com elevado índice de processamento causam impactos negativos, e assim, é essencial tratar as suas causas. O Ministério da Educação juntamente com o da Saúde, devem ampliar a conscientização nas escolas, fazendo isso por meio de workshops voltados para a comunidade escolar, com o objetivo de que no futuro a população conheça as consequências de sua alimentação. Ademais, a mídia deve incentivar o consumo de produtos saudáveis, por meio de programas como o Fantástico, por conseguinte, o evidenciado na música da Legião Urbana ficará no passado.